Diagnósticos & Tratamentos

O hepatologista Fábio Marinho esclarece dúvidas sobre Esteatose

 

Dr. Fábio Marinho - especialista em Fígado

Fábio Marinho* é um médico carismático e apaixonado pela hepatologia (estudo do fígado). Além disso, tem uma competência incontestável, afinada com tudo de mais moderno que surge em sua área. Ele me concedeu esta entrevista que esclarece pontos sobre uma doença silenciosa: a Esteatose Hepática. Confiram:

1- O fígado tem incontáveis funções. Quais as principais?
O fígado é nossa grande usina de produção de proteína e detoxificação de substâncias nocivas à saúde. São mais de 100 funções, mas as principais são a manutenção do equilíbrio proteico e de fatores de coagulação do sangue.

2- O que é esteatose hepática?
É o acúmulo de gordura dentro das células do fígado, os hepatócitos, normalmente descoberto em exame de imagem do fígado, como a ultrassonografia

3- Quais são as principais causas de esteatose?
São várias, mas principalmente àquelas relacionadas à síndrome metabólica, ou seja, sobrepeso/obesidade, colesterol/triglicérides elevados, hepatite C crônica, etilismo, entre outras.

Fígado com esteatose (acima) e outro de aspecto normal

4- Qual a forma mais segura de diagnosticá-la?
Um exame de imagem associado a exames laboratoriais. Algumas vezes se indica a realização de biópsia hepática para melhor avaliação do processo.

5- Há tratamento para os diversos graus dessa alteração do fígado? Quais são?
Sim, o tratamento depende muito da causa da doença. Hoje existem drogas que favorecem a melhora da esteatose.

6- O que pode acontecer com um indivíduo que não se submete ao tratamento da esteatose?
Cerca de 30% poderão evoluir ao longo de anos para cirrose hepática. Mesmo que a esteatose não esteja relacionada ao hábito de beber álcool.

7- Qual o papel da alimentação e do consumo de álcool?
Fundamentais, porquanto são determinantes na evolução da doença.

8- Que sugestões deixa aos leitores?
O fígado padece em silêncio. Solicite ao seu médico uma avaliação laboratorial de suas funções, além de um exame de imagem. Qualquer alteração procure um hepatologista.

__________
*Fábio Marinho do Rêgo Barros
Graduado em Medicina pela Universidade Federal de Pernambuco. Residência Médica em Medicina Interna e Gastroenterologia pelo Hospital das Clinicas da UFPE. Especialização em Transplante de Fígado no Hospital das Clinicas da UFPE. Especialista em Hepatologia pela Sociedade Brasileira de Hepatologia e membro desta Sociedade. Research Fellow em Transplante de Fígado  na Universidade de Washington em Saint Louis, USA. Monitor de Hepatites Virais do Programa Nacional de Hepatites Virais do Ministério da Saúde. Membro Efetivo da Comissão Estadual de Hepatites Virais do Estado de Pernambuco. Membro Efetivo da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos. Preceptor de Hepatologia da Residência Médica de Gastroenterologia do Hospital das Clinicas da UFPE. Coordenador de Hepatologia do Real Instituto de Gastrohepatologia do Real Hospital Português de Beneficência em Pernambuco.
Fone: (81) 3416-1096 (consultório)

Share

27 Comentários »

  1. Gostaria de saber do senhor, onde fica a sua Clínica Particular em Recife, para eu entrar em contato com o senhor para marcação de uma consiulta. urgente.

    Comentário by Sergio Sales — 20/04/2012 @ 8:50 am

  2. O Dr. Fábio Marinho atende no Rela Hospital Português, na Clínica de Gastro Hepatologia. F: 3416-1122.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 20/04/2012 @ 12:49 pm

  3. Olá Dr. Fabio,
    Estamos com um diagnóstico de Cancer de Fígado na família e não sabemos qual médico especialista poderia nos ajudar para o tratamento ou cirurgia deste tumor. O Oncologista ou o Hepato pode indicar o melhor tratamento?

    Aguardamos um retorno.
    Muito obrigada,
    Tatiane

    Comentário by Tatiane — 07/05/2012 @ 12:09 pm

  4. Procure primeiro o hepatologista.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 07/05/2012 @ 12:10 pm

  5. Dr. Fábio, td bem?

    Por favor, gostaria de saber se o medicamento Glifage RX tem indicação para tratar esteatose leve? Não sou diabético, e estou preocupado com efeitos colaterais da droga.

    Grato,

    Flávio

    Comentário by flavio — 21/05/2012 @ 7:24 pm

  6. Bom dia
    Gostaria de saber, como amenizar as coçeiras que denho devido a minha doença cirroce hepatica, há algum medicamento tratamento, pois não aguento mais

    Grato

    Comentário by VALTER COELHO FEDULO — 08/06/2012 @ 11:39 am

  7. tenho cirrose e minhas pernas são escuras e as sinto doendo. Há alguma correlação

    Comentário by isalmir silva — 16/06/2012 @ 1:47 pm

  8. Olá doutor, gostaria de saber se a esteatose hepatica não tratada pode levar a MORTE?
    grau 3.

    Grata

    Comentário by Marili Alves — 04/08/2012 @ 7:41 am

  9. fiz um exame e o dagnostico é de esteatose hepatica acentuada, tenho problemas de hipotireoiismo e gostaria de saber se é grave

    Comentário by carmen — 08/08/2012 @ 9:24 pm

  10. O que seu médico disse?

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 09/08/2012 @ 5:51 am

  11. caro dr eu jose tenho 1 filha hoje com 13 anos mas desde que nasceu possui uma doença com nome de glicogenose tipo 1 fazia tratamento com gastropediatrico em porto alegre e tambem possui uma dieta para alimentaçao como:tomava maltodestrina de 3/3 horas e mais omega e amido todos juntos mas nos ultimos tempos devido a idade dela ser a mais de 12 anos eles nao estao mais atendendo a mesma,entao dr ela esta sentindo dores abdominais freguentes devido o crescimento do figado pois ela tem estrutura de 8anos e figado esta com proporçoes de 13 anos sr teria uma sugestaçao de tratamento pois aqui no sul nao estou encontrando.peço que me ajude com minha filha se possivel

    Comentário by jose lomar lopes da costa — 22/08/2012 @ 4:45 pm

  12. O que é o causador do nível do GAMA GT estar muito alterado (134 para mulher de 51 anos) sendo que os exames de Hepatites A,B e C derão negativos e a esteatose deu leve esteatose?

    Comentário by Thais — 24/08/2012 @ 12:18 pm

  13. Inflamações no fígado, alcoolismo, obstrução de vias biliares, uso de medicamentos (fenitoína, fenobarbital, carbamazepina, ácido valproico, anticoncepcionais, etc.) são as principais causas da elevação no soro dos níveis de gama glutamil.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 24/08/2012 @ 1:59 pm

  14. Boa noite.
    Meu pai de 85 anos fez uma olistectomia e desde entao nao se recuperou. Toda tarde tem febre e dores no corpo. Isso a quase 1ano por favor me ajude enquanto ele tem forcas. Obrigado pela atencao.

    Comentário by nardirceu — 21/10/2012 @ 12:29 am

  15. Vira cirrose.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 21/10/2012 @ 4:23 pm

  16. Sim.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 21/10/2012 @ 4:23 pm

  17. Boa noite,

    Gostaria de tirar uma dúvida com o Dr. Fábio, pois fiquei encantada com o termo “apaixonado pela Hepatologia”.
    Estou, inclusive, querendo uma indicação de um profissional da área que aceite o plano de saúde dos Correios.
    Minha dúvida é a seguinte: tenho uma hiperplasia nodular focal diagnosticada em 2007 inicialmente por uma US abdominal, dimensões 1.8 X 1.4 cm, no lobo direito. Após esse exame feito em Maceió, onde moro atualmente, meu Médico solicitou que fizesse uma TC e vários exames de sangue, incluindo marcadores tumorais (CEA, CA-19 e Alfafetoproteína), sendo todos com resultados normais.
    De lá para cá tenho feito controle com ressonâncias magnéticas realizadas na MAXIMAGEM. Aparentemente têm diminuido nesses cinco anos de acompanhamento.
    Segundo opinião do meu Médico em Maceió e de um Hepato em Recife, Dr. Spinelli, consultado em 2010, não há necessidade de realização de biópsia nem de cirurgia para retirada. Aí é que entra a dúvida: Tomo anticoncepcional continuamente para tratamento de uma endometriose e sempre tive medo de que o nódulo pudesse malignizar. Essa hipótese foi afastada por ambos profissionais. Eles afirmam que nos casos de adenoma exise o risco, mas na HNF não. Posso continuar tomando sem temor?
    Meu exame laboratorial recente deu uma alteração no TGP (46), por isso fiquei assustada, pensando que pode ser devido ao problema estar se agravando. Essa elevação do TGP é grave? O restante deu normal.
    Tentei marcar uma consulta hoje, pois estou indo Recife na sexta-feira, mas só tinha vaga para 27/11, além de não aceitar nenhum plano de saúde e eu não ter condições de pagar o valor da consulta.
    Peço ajuda, pois estou aflita.

    Comentário by Sara Oliveira — 23/10/2012 @ 11:22 pm

  18. BÕA TARDE DR.!
    ADOREI O SITE DO SENHOR, MUITO BOM E MUITO COMPLETO SOBRE NOSSAS DÚVIDAS EM RELAÇÃO AO FIGADO.
    EU FIZ UM EXAME DE HEPATITE A,B,E C NO DIA 16 DO CORRENTE MES, E O RESULTADO NA HEPATITE B DEU 175,00 mUI/ml EU JA TENHO O VIRUS HÁ 6 ANOS E SEMPRE NOS EXAMES DAVA NÃO REAGENTE AGORA COM ESSE RESULTADO EU ESTOU MUITO PREOCUPADO.
    POR FAVOR TIRA ESSA MINHA DÚVIDA.
    GRATO
    JACOB

    Comentário by JACOB — 25/10/2012 @ 3:07 pm

  19. Gostaria de marcar uma consulta com o Dr. Fábio.
    Qual o telefone ?
    No aguardo,
    Cláudia

    Comentário by CLÁUDIA MACIEL — 05/11/2012 @ 11:42 am

  20. 81 3416-1180

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 05/11/2012 @ 11:43 am

  21. Bom dia Dr. Fábio marinho, em breve estarei no mês de dezembro em seu consultório, mais se possível gostaria de esclarecer uma duvida que me atormenta há 05 meses, estou com todas minhas taxas além de ótimas e as transaminases excelentes, porém minha Ferritina continua em 1244 ng/ml, baixou apenas por meio de corrida que pratico agora todas manhãs apenas 200 ng/ml,istoé muito grave, pois me sinto ótimo, apenas só hipertenso mas minha pressão é controlada sob Micardis anlo a 12X8.
    Noaguardo, antecipadamente agradeço.

    Comentário by Assis Clemente Filho — 07/11/2012 @ 10:28 am

  22. Dr. Fábio,
    Boa tarde!
    Meu filho tem 15 anos e por acaso foram feitos alguns exames e as bilirrubinas deram alteradas. Na usg de abdome superior, não houve alteração alguma bem como os outros exames. Fiz mais uma vez e a bilirrubina direta baixou mas a indireta continua alterada 2.2 md/dl. O que pode ser?
    Agradeço,
    Kilma.

    Comentário by Kilma — 02/01/2013 @ 1:39 pm

  23. Procure um hepatologista.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 02/01/2013 @ 2:33 pm

  24. meu filho teve esteatose durante 5anos e agora ta curado com uma medicaçao passada por dra valquiria em marechal hermes foi a soluçao hoje meu filho ta livre da esteatose graças a Deus foi muito sofrimento

    Comentário by cleonice do carmo caxias — 12/01/2013 @ 1:33 pm

  25. Dr.Fábio
    Saudações!!!
    Fiquei Feliz em encontrar este site, e um especialista com todas essas referencias, moro no interior, Triunfo – Pe, sempre estou muito enjoada, fiz varios exames mais graças a Deus tudo bem, então solicitei um exame de sangue,no qual o resultado foi:material sangue,TRANSAMINASE PIRUVICA ( TGP ) 33,00 U/L REFERENCIAS 4,00 a 31,00 , o médico, grastro, pediu que procurasse um especialista de figado e solicitasse outros exames de enzimas. estou muito assustada gostaria de uma resposta. Fiz uma ultrassom -abdomem total, resultado normal, Queria saber qual o valor da consulta, se atende pelo Plano AMIL Saúde e endereço completo.
    Atenciosamente aguardo resposta.

    Comentário by Zelia Ramos de Sousa — 18/01/2013 @ 2:32 pm

  26. ESTOU COM DUVIDAS:MEU PAI TEM 84 ANOS RECEBIR O RESULDADO DE EXAME. TC DE ABDOME TOTAL.. DIAGNOSTICO: SINAIS DE HEPATOPATIA CRONICA ( CIRROSE) NODULO HEPATICO SUSPEITA DE HEPATOCARCINOMA.MODERADA ASCITE. COLELITIASE CISTOS RENAIS BILIARES. GOSTARIA DE SABER QUAL MEDICO PROCURAR PARA FAZER O TRATAMENTO DO MEU PAI. SE PROCURO UM ONCOLOGISTA. OBRIGADO AGUARDO RESPOSTA

    Comentário by PAULA BRITO BITENCOURT DE ARAUJO — 15/02/2013 @ 4:12 am

  27. Procure um Hepatologista para seu pai.

    Comentário by Blog Dr. Bayma — 15/02/2013 @ 11:52 am

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URL

Deixe um comentário

Você precisa fazer o login para publicar um comentário.

 

Informe abaixo seus dados para receber no e-mail as atualizações e eventos.

Loading...Loading...


Consultório Dr. Carlos Bayma: Hospital Esperança - Andar G3 - Ilha do Leite - Recife - PE - Fone: 81 3131-7870

Copyright © 2011 - Dr. Carlos Bayma - Todos os direitos reservados Termos de Uso e Política de Privacidade